Engenharia de Produção

Porque todo Engenheiro de Produção deve aprender Simulação

Com certeza se você está na faculdade de Engenheira de Produção ou se já está formado, você já ouviu sobre a disciplina de Modelagem e Simulação, não é?

Mas será que você compreendeu a real importância de um(a) Engenheiro(a) de Produção fazer esta disciplina? Se você tem dúvidas quanto a isso, não deixe de ler esta matéria até o fim.

Definição

Simulação consiste em representar um processo físico real em um software de simulação com forte aderência e representatividade do sistema físico atual. Quando temos a representação fiel do sistema no simulador, podemos iniciar os experimentos e análise de cenários com objetivo de melhorar os processos para um melhor planejamento futuro, redução de custos e até mesmos incorporar análises avançadas e integradas com otimização.

No simulador, o engenheiro pode testar diferentes cenários alternativos, sem impactar o processo físico real, evitando tentativas e erros em um processo físico e também o desperdício de tempo e dinheiro da empresa. O simulador é um ambiente livre de risco para testar e avaliar mudanças em um processo. Aplica-se em qualquer processo, manufatura, logístico, portos, aeroportos, serviços, hospital, ferrovias e outros.

Onde utilizar?

Você pode utilizar a Simulação em vários segmentos de mercado como, por exemplo: manufatura, bens de consumo, Supply Chain, logística, militar, setor público, atacado e varejo, serviços, saúde, química, petrolífera, tecnológica, construção, eventos & entretenimento, e agronegócio.

Atualmente Simulação é utilizada para auxiliar decisões principalmente em sistemas de grande complexidade, sistemas que não admitem falhas (como hospitais), sistemas que alterações acarretam enormes custos, e também sistemas que ainda não existem, como um planejamento futuro de ampliação para uma operação existente. Simulação é a base da indústria 4.0, pois trata-se da base para uma solução de Digital Twin completa.

Porém engana-se que apenas elaborar um modelo de simulação, significa que já tem uma solução de Digital Twin pronta. Um Digital Twin deve ser construído dentro de uma plataforma que comporte virtualização, digitalização total em ambiente cloud, emulação e baseado em CPS (Cyber Physical Systems).

Exemplos de aplicação no Brasil de um projeto de simulação de processos (Assista todos em resolução de 1080HD no Youtube).

 

Vantagens

A grande vantagem é que através da simulação é possível testar várias alterações nos sistemas sem necessariamente fazer qualquer alteração física, possibilitando aderir as boas práticas de Decision Science para um ótimo planejamento em busca de melhor produtividade e redução de custos.

Com isso você consegue ter um papel de destaque dentro da sua organização, uma vez que você poderá:

– Propor melhorias no layout;

– Reduzir custos;

– Analisar gargalos;

– Otimizar processos e etc.

– Balancear linhas de produção;

– Melhor o atendimento de pacientes;

Quero aprender mais! Como faço?

Se você assim quer conhecer mais sobre a Simulação, nós recomendamos a FlexSim.

A FlexSim é líder mundial em consultoria em projetos de Modeling & Simulation, otimização e Digital Twin de processos. Trabalhando ativamente em mais de 70 países, a FlexSim fornece serviços de consultoria em otimização de processos, proporcionando verdadeiro impacto nas operações de nossos cliente através confiáveis metodologias para atingir um elevado nível de planejamento, usando soluções modernas e de alto impacto tecnológico.

Ela possui os Softwares FlexSim® e FlexSim Healthcare®, que são ferramentas avançadas de análise para melhorar o desempenho dos processos; treinamentos; e desenvolvimento de novas tecnologias da Indústria 4.0, e a nova plataforma cloud para Machine Learning e Data Science, RapidMiner.

No canal deles no YouTube você vai poder aprender mais sobre tudo o que os Softwares de Simulação pode fazer!

Confira o exemplo de uma Simulação em um hospital com o FlexSim Healthcare.

Gostou? Então não deixem de seguí-los no Instagram também.

Etiquetas
Veja mais

Luccas Costa

Formado em Engenharia de Produção, cursando Mestrado em Engenharia de Produção, especialista em Lean Manufacturing e em Solução de Problemas. Movido pela busca de novos conhecimentos e por compartilhar experiências.

Comentários no Facebook

Botão Voltar ao topo
Fechar