Empreendedorismo

“Tinder do Empreendedor”

Por meio do aplicativo "Meu SEBRAE", micro e pequenas empresas podem se conectar e firmar parcerias

Resultado de imagem para tinder do empreendedor

A lógica já é conhecida dos aplicativos de relacionamento: conectar pessoas que tenham interesses em comum para que elas se conheçam, troquem ideias e, quem sabe, até engatem uma relação por muito tempo. É isso o que o novo recurso do “Meu SEBRAE” disponibiliza a partir de agora, mas com uma diferença: as pessoas aqui são micro e pequenas empresas interessadas em uma relação comercial. Gratuito, o aplicativo está disponível para Android ou IOS.

O novo recurso do aplicativo “Meu SEBRAE”, o “Achei” pode ser chamado de “Tinder do Empreendedor”.  A única exigência para utilizar, além de ter o “Meu SEBRAE” instalado no celular, é possuir um CNPJ ativo. O empreendedor preenche seu cadastro com informações básicas sobre o negócio e começa a customizar seu perfil, incluindo fotos da empresa e/ou dos produtos e serviços ofertados.

Quanto mais legal o seu perfil, mas chances de receber um match, ou seja combinar os interesses de compra e venda. “A parte mais importante é inserir o que você procura e o que você oferece. O aplicativo trabalha com TAGs, que são palavras-chave que identificam as afinidades. É assim que o algoritmo vai sugerir as combinações”, explica Luciano Renan, consultor do Sebrae/PR. Outro diferencial é que a plataforma guarda o histórico dos perfis já vistos. Ou seja, mesmo que a pessoa dê um “dislike”, é possível voltar atrás e rever o perfil.

A ideia é que a experiência do usuário seja ampliada. “Hoje, as pessoas conseguem consumir conteúdo em outros lugares. Então, precisávamos de outras funcionalidades para manter o aplicativo relevante e torná-lo um instrumento útil para a rotina dos empreendedores, aproveitando o fato da solução ser para celular. A nova versão, além de passar por melhorias em usabilidade, terá mais recursos e interatividade, além de facilitar o contato com o Sebrae para tirar dúvidas e receber atendimento. E o ‘Achei!’ foi uma das maneiras de torná-lo mais lúdico”, avalia Renan.

Limites profissionais:

A ferramenta foi feita para ser estritamente profissional, impedindo que os usuários usem o “Achei” para interesses pessoais. “Existe uma política de uso. Se houver qualquer problema, o usuário pode acionar o Sebrae/PR para que possamos tomar medidas a respeito”, finalizou Renan.


Fonte:

  • https://paranaportal.uol.com.br/economia/tinder-do-empreendedor/
  • https://revistapegn.globo.com/Banco-de-ideias/Aplicativos/noticia/2019/05/deu-match-sebrae-lanca-tinder-do-empreendedor.html
Etiquetas
Veja mais

Comentários no Facebook

Botão Voltar ao topo
Fechar